Dragões e Serpentes

Na Catedral de Belém temos várias representações de dragões: nos lustres lateras e em pinturas parietais. Acho estranho, pois, afinal, os dragões são signos do Mal na iconografia cristã. Nosso homenageado do dia, São Jorge, era tido como guerreiro por combatê-los
Encontamos as representações dragonianas, com freqüência, em gárgulas, externas aos templos.
O Mal também pode ser representado pela serpente e, sob os pés da Virgem ela é contida. A gente as encontra nas imagens de Nossa Senhora da Conceição. Como a Sé foi construída em honra a Santa Maria de Belém, será que, por analogia, substituíram a serpente pelo Dragão?
De qualquer jeito, vale a pena, sempre, observar os detalhes.
E ler o que Osmar Arouck escreveu.

Comentários

arouck disse…
Esta nossa dupla blogueira vai longe.
Viva Jorge!
beijos

Postagens mais visitadas